Curiosidades sobre o cão Pit Bull que você não sabia

Os Pit Bulls são e sempre foram injustiçados pela mídia e pela disseminação de falsas informações a seu respeito devido à sua origem e, por muito tempo, terem sido usados como cães de briga e rinhas. O que poucos sabem é que, se criados desde filhotes, adestrados e bem tratados, pode se tornar um cão guia, protetor e companheiro em casa.

Apesar de serem comprados também para a proteção de residências grandes e empresas, muita gente faz alarde sem saber das especialidades que esse animal possui. Quando criados com muito amor, adquirem uma personalidade tranquila e dócil. Por isso, o artigo de hoje foi dedicado a mostrar algumas das qualidades desse bichano tão especial!

“Cães Babá”

pitbull cuidando de crianças

 Você sabia que muito antigamente, os cães da raça pit bull eram comprados para cuidar das crianças da casa? Na década de 50, o cachorro ganhou notoriedade por serem excelentes protetores e cuidadores de crianças pequenas, fazendo parte de grande parte dos lares nos Estados Unidos.

Até hoje, não há risco algum manter esse animal em casa, desde que o criem desde pequenos, com muito amor, cuidado, espaço e, claro, o adestrem para que o seu instinto entenda quem são seus donos e a quem ele deve resguardar.

Temperamento tranquilo

pitbull tranquilo

 Embora tenha fama de ser agressivo, os Pit Bulls na verdade possuem temperamento tranquilo e são dóceis quando criados em lares familiares. Por isso, ao optar por essa raça, tenha em mente que os primeiros cuidados desde filhote são essenciais e, se bem adestrados, não há nada a temer, pois são, inclusive, receptivos a visitas.  Além disso, há inúmeras pesquisas que mostram que o caráter de um cão não é pré-determinado, e cabe aos pais humanos criá-lo de forma adequada e amorosa.

Mito das mandíbulas que se “trancam”

pitbull mandíbulas

Circula um mito de que os Pit bulls possuem mandíbulas “especiais”, que trancam e que impedem a defesa de alguém em caso de ataque. Isso já foi desmistificado e a raça possui mandíbula igual a outros cães. É importante ressaltar que o Pit Bull é, muitas vezes, adquirido com intuito de caça, proteção de galpões e casas grandes – e são treinados para isso. Por isso, há muitos casos de acidentes envolvendo essa raça por descuido dos donos. E tragédias acontecem em decorrência de irresponsabilidade de quem os cria.

Assim como qualquer animal, o seu instinto pode ser trabalhado desde cedo, pois, se um cão recebe amor, afeto e muito cuidado, é exatamente isso que ele irá devolver.

Para quem pensa em adotar um animal doméstico, não descarte o pit bull como uma possibilidade, pois esse é um animal especial e pode ser carinhoso e facilmente adaptável às pessoas com quem convive. Que tal abrir mão do preconceito e pensar na ideia?

Leave a comment